Socorro! As crianças não largam o hand spinner!

Tempo de leitura: 1 minuto

Não é de hoje que as “febres” adentram as nossas rotinas. Teve o tempo do bate-bate, do ioiô, do elástico, dos tazos, das cartinhas do Pokémon… São muitas, não é? E a velha discussão retorna: faz bem ou faz mal?

Inicialmente, os hand spinners surgiram com a crença de que ajudavam na concentração, especificamente, na atenção de sujeitos com TDAH. Contudo, pesquisei bastante, tanto em fontes internacionais como nacionais, e isso não foi comprovado cientificamente. Então, afinal, para que serve?

Eu não sei exatamente se a gente sempre pensa para que servem alguns brinquedos, porque sim, o hand spinner é um brinquedo. E é um brinquedo que está permitindo interação, porque a garotada está querendo competir pelas manobras ou pelo tempo de equilíbrio. Vejamos: por um lado, eles saíram do celular um pouco, não? Um viva à socialização, minha gente!

Mas quando o brinquedo (qualquer um) começa a interferir na rotina (tanto escolar como no cotidiano)? Não vou falar apenas pela minha experiência de pedagoga, mas pelo meu conhecimento social, de vida mesmo. Tudo o que é exagerado faz mal, não é?

Portanto, tiremos os olhos do objeto e pensemos na situação. É hora de desenvolver LIMITES familiares, rotina e horários. Simples. Tem a hora das coisas legais e das coisas chatas, assim será para sempre na vida. E, para os professores, eu deixo a seguinte dica: aproveitem os aliados! Se isso está fervilhando nos alunos, usem a favor de vocês!

O hand spinner estimula equilíbrio, coordenação motora fina, atenção para as manobras, criatividade. Ainda, podemos usar o objeto em jogos pedagógicos, em estratégias de contagem das quatro operações, seriação, classificação, histórias matemáticas, produção de frases sobre algum momento de competição. Nem precisamos pensar muito, os alunos nos mostram o que podemos fazer. Olhemos mais para estas relações para que saibamos lidar com elas. Com limites, é claro!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *