Sem categoria

Como usar o ábaco?

Como usar o ábaco?

3 minutos O ábaco é um dos materiais concretos para o ensino da matemática que encontramos, facilmente, em livrarias e bazares. Trata-se de um instrumento muito antigo, já utilizado pelos mesopotâmicos, gregos e romanos, antes de Cristo. Com o passar do tempo, outras civilizações também começaram a fazer uso deste material, realizando pequenos ajustes e adaptações; por isso, hoje, temos muitos tipos de ábacos disponíveis, com diferentes formatações.  Atualmente, o uso do ábaco é mais frequente no oriente, principalmente em países como a China e o Japão. Pesquisas Leia mais

Como ensinar matemática SEM traumas 

Como ensinar matemática SEM traumas 

6 minutos Segundo Ashcraft (2002), a ansiedade matemática assombra muitas crianças, adolescentes e adultos. Trata-se de um sentimento de verdadeiro pavor dos números. Este autor nos afirma que esta sensação é gerada devido uma infinidade de motivos que são, inclusive, citados também por estudos e materiais brasileiros (PNAIC, 2014; SILVA, 2005; SILVEIRA, 2002). Estes motivos seriam um alto número de reprovação nesta disciplina, principalmente durante os Anos Finais e o Ensino Médio e um discurso advindo dos próprios docentes de que a matemática é difícil. Além Leia mais

52 dicas para professores e pais enfrentarem a quarentena!

52 dicas para professores e pais enfrentarem a quarentena!

4 minutos É, fomos pegos de surpresa! Ninguém esperava por essa… Um vírus, isolamento social, quarentena! Tudo muito rápido. As escolas fechadas e nós, professores e pais, precisando se reinventar! Muitos professores foram solicitados para enviar atividades online e muitos pais estão com os filhos em casa. Hoje, nós queremos te ajudar a manter a calma (sim, vai ficar TUDO BEM) e te dar ideias PRÁTICAS de como passar por esse período. Vamos lá! Prepare-se para boas 52 dicas para esse período! Ferramentas úteis: Leia mais

3 passos para fazer uma boa avaliação diagnóstica em matemática

3 passos para fazer uma boa avaliação diagnóstica em matemática

5 minutos Em primeiro lugar, quero esclarecer que avaliação diagnóstica, hoje, neste artigo, refere-se a uma avaliação que fazemos em uma perspectiva PEDAGÓGICA. O objetivo desta avaliação não é dar diagnósticos de transtornos, afinal de contas, essa não é uma tarefa do professor. Nossa tarefa é avaliar onde os alunos estão, em termos de aprendizagem, e traçar nossas metas a partir daí. Como elaborar, então, uma boa avaliação diagnóstica de MATEMÁTICA? 1 – Conheça o currículo: a sua escola possui um currículo próprio ou Leia mais

Como fazer BOAS atividades de alfabetização?  

Como fazer BOAS atividades de alfabetização?  

6 minutos 7 orientações para colocar em prática hoje mesmo:  Fazer boas atividades de alfabetização é, claro, essencial para auxiliar os nossos alunos a avançarem nos níveis de escrita e leitura. Muitas vezes, nós, professoras, pedimos dicas, procuramos folhas prontas na internet e solicitamos que as colegas compartilhem suas atividades conosco. A troca é necessária e fundamental para nossas próprias aprendizagens. CONTUDO, é preciso ter um olhar atento sobre as atividades que escolhemos fazer com os nossos alunos, adaptando para o nosso contexto, nossa realidade e as necessidades da nossa turma. Elas devem servir como Leia mais

Como contar sem os dedos?

Como contar sem os dedos?

4 minutos Você, adulto, ainda conta nos dedos? Deixa os seus alunos contarem também, ou pede que eles façam “de cabeça”? Para compreender e completar a ideia do artigo de hoje, é muito importante que você assista essa live, leia este artigo ou baixe este material. Todos estes links te levam para um conteúdo referente aos Princípios de Contagem, que são de SUMA importância de serem desenvolvidos nos nossos alunos, para que possamos partir para as intervenções nas estratégias de contagem. E por que Leia mais

Como as pessoas aprendem? [COMPROVADO CIENTIFICAMENTE]

Como as pessoas aprendem? [COMPROVADO CIENTIFICAMENTE]

3 minutos Como os nossos alunos aprendem? Você já se fez essa pergunta? Saber como o ser humano aprende é objeto de conhecimento, normalmente, dos profissionais da saúde. Eles é que são os responsáveis por fecharem diagnósticos quando as crianças apresentam dificuldades ou transtornos na aprendizagem. Contudo, nós, professores, é que ensinamos estes alunos. Sendo assim, é fundamental que saibamos alguns aspectos primordiais do funcionamento cognitivo, pois podemos fazer intervenções práticas em sala de aula. Muitas vezes, consideramos os aspectos psicológicos, sociais, familiares, dentre Leia mais

Como realizar uma AVALIAÇÃO DIAGNÓSTICA?

Como realizar uma AVALIAÇÃO DIAGNÓSTICA?

3 minutos  Início do ano chegou e MUITAS pessoas têm me feito esta pergunta: como realizar uma avaliação diagnóstica? Então, HOJE, vamos conversar sobre isso. É importante ressaltar que estes “passos” podem ser realizados para qualquer avaliação diagnóstica, seja ela de leitura, escrita, matemática, oralidade, história, ciências e geografia. Para toda e qualquer atividade avaliativa de início de ano letivo, devemos nos fazer o seguinte questionamento norteador:  O QUE EU QUERO QUE O MEU ALUNO APRENDA ESSE ANO?  A partir daí, traçamos objetivos a serem alcançados Leia mais

Como ensinar o alfabeto?

Como ensinar o alfabeto?

7 minutos Essa é uma pergunta bem recorrente. Professoras de todo o Brasil sempre me fazem esta indagação. E hoje, a fim de esclarecer este dilema, vamos conversar sobre os top 6 questionamentos que chegam até mim.  Vamos nessa?  Tem que ensinar letra por letra?  Sim e não!  SIM, porque é importante ensinar o alfabeto, dando um repertório finito de letras para que as crianças tenham como referência e possam conhecer a pauta sonora de cada uma, impedindo, por exemplo, que as crianças utilizem sempre as letras do seu nome para escrever outras palavras. Assim, Leia mais

 Como criar atividades interdisciplinares para turmas de alfabetização 

 Como criar atividades interdisciplinares para turmas de alfabetização 

4 minutos Você, professora, pedagoga, provavelmente conhece o trabalho por projetos. Eu mesma, durante minhas experiências como professora do 1º ano, trabalhava muito nessa perspectiva. Em determinada escola que lecionei, os projetos eram escolhidos e votados pelas crianças, partindo do interesse delas. Em outra instituição, o assunto do projeto já era determinado pelo currículo, a fim de ser o mesmo em todas as turmas.  Uma marca dos projetos é a interdisciplinaridade, ou seja, um estabelecimento de relações comuns entre as disciplinas abordadas. Aqui é Leia mais