7 Recursos Matemáticos para o Ensino Presencial, Híbrido ou Remoto

Tempo de leitura: 5 minutos

Em tempos de pandemia, temos as mais diversas realidades acontecendo nesse “Brasilzão” afora. Sendo assim, em tudo que pensamos para vocês, nos esforçamos para que atenda às necessidades desses mais variados contextos. No artigo de hoje, eu quero te apresentar 7 recursos que foram pensados e planejados para que você possa utilizar tanto nas suas aulas presenciais, como na modalidade híbrida ou remota. 

 

Vamos a eles? 

 

1 – BINGO 

O bingo é um é um jogo super fácil de confeccionar e de jogar. Você pode enviar as cartelas para as crianças ou até solicitar que cada um confeccione a sua com papel e caneta. Pense também com muita intencionalidade nos números que você irá usar (somente até o numeral que as crianças já conhecem) e na proposta que você irá fazer. 

Este bingo abaixo tem a intenção de construir e consolidar o conceito de Triplo Código (a representação do número por algarismos, por escrito e pela quantidade). A professora sorteia e fala oralmente. O aluno que tiver qualquer uma das representações em sua cartela referente àquele número, marca o ponto. Se você tiver interesse, baixe aqui este material. 

Outras propostas ainda seriam colocar alguns resultados na cartela e sortear operações de fatos básicos ou da tabuada! 

 

2- JANELINHA 

A janelinha (ou preguicinha) é um recurso bastante utilizado nas aulas de linguagem com a finalidade de desenvolver a leitura (decodificação). O que muita gente não sabe é o potencial desse recurso para desenvolver também habilidades matemáticas. 

Você pode utilizá-la como uma ferramenta para fazer avaliação diagnóstica, por exemplo. Basta colocar um numeral ali dentro, ir puxando aos poucos e pedir que as crianças escrevam-no por extenso. Outra ideia que eu gosto muito também é usar a janelinha para correção de cálculos e problemas matemáticos – basta colocar os resultados ali e ir puxando aos poucos, criando um mistério. Pronto! Foi-se embora o tédio de corrigir as lições de casa e as atividades escolares! 

3 – FICHAS ESCALONADAS 

As fichas escalonadas ou sobrepostas (baixe aqui uma matriz), como são chamadas, possuem um super potencial para desenvolver o Sistema de Numeração Decimal. É também um material muito simples de ser confeccionado ou enviado para as crianças, sendo ideal para usar durante as aulas presenciais ou online, especialmente porque cada aluno pode ter o seu. Usamos para compor e decompor números, escrever números por extenso, realizar cálculos aritméticos e, o mais importante, perceber o valor posicional dos números; isto é, perceber que dependendo da posição onde está (unidade, dezena, centena…) o número muda de valor.  

4 – QUEBRA-CABEÇAS MATEMÁTICO 

O quebra-cabeças matemático foi confeccionado pela Illuminare Ateliê Didático para a Jornada da Alfabetização de janeiro de 2021. Trata-se de um tabuleiro com alguns numerais e algumas peças de quebra-cabeças com charadas. Cada charada corresponde a um número que está no tabuleiro. Quando a criança identifica o número, pode sobrepô-lo, até que a figura seja formada. 

Se você gostou desse material, eu tenho uma boa notícia. No dia 18 de março as meninas da Illuminare irão dar um super aulão onde você vai aprender o passo a passo para fazer jogos pedagógicos criativos, de forma simples e rápida, para aulas presenciais e on-line.  Inscreva-se clicando aqui.

 

5 – MATERIAL DOURADO 

Esse é o meu queridinho! Pode ser usado para exatamente TUDO: contagem, sistema de numeração decimal, adição, subtração, multiplicação, divisão, cálculos com transporte… O ideal para deixar o trabalho ainda mais eficiente é que as crianças possuam o seu material, a fim de manipular junto com a professora ou durante os procedimentos aritméticos. Existem kits individuais de material dourado, feitos de mdf ou EVA. Caso não seja possível adquirir, eu disponibilizo essa matriz para que você possa enviar para os seus alunos. Aproveite! 

6 – SACOLA DA MATEMÁTICA (OU PROBLEMOTECA) 

A sacola da matemática pode também ser uma caixa, um envelope… Trata-se de uma problemoteca: são vários passatempos, problemas e outras situações matemáticas lúdicas para a turma realizar. Em um primeiro momento, eu disponibilizava apenas para os alunos que terminavam as atividades da aula e ficavam com tempo livre. Com o tempo, percebi que os outros ficavam com muita vontade de usar aquela sacola diferente, então, comecei a disponibilizar em um período normal de aula. Cada criança sorteia um desafio, cola no seu caderno e resolve. Depois de pronto, podem pegar outro. 

 

7 – DADOS 

Você sabia que existem muitos tipos de dados, que não apenas o de 6 faces? E que com esses dados, há infinitas possibilidades de jogos e atividades? Para se inspirar em algumas ideias, assista a este vídeo. 

 

Se você se interessa por este assunto, clique aqui e conheça o MAP – Matemática na Prática. Lá, nós damos muitas ideias práticas para a sala de aula. A live completa sobre esses recursos, com várias explicações pode ser vista neste link. 

Gostou do conteúdo? Então, curte e compartilha!    

Siga @clarissapereirapedagoga nas redes sociais. Lá nós damos dicas todos os dias para deixar a sua prática de sala de aula mais leve e doce. 

Grande abraço, 

Professora Camila 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *