5 dicas para elaborar suas atividades de Matemática para aulas remotas!

Tempo de leitura: 4 minutos

Sempre falamos aqui: estamos vivendo um tempo diferente. Um tempo onde estamos nos reinventando, aprendendo novas práticas e buscando alternativas para melhor atender às necessidades dos nossos alunos de forma remota. Se a nossa profissão já tinha desafios, agora temos mais um: lidar com os obstáculos do ensino online. Neste sentido, queremos te ajudar com algumas dicas para quando você for elaborar suas atividades de matemática! Fizemos este artigo a partir de uma live, se você se interessa por assisti-la na íntegra, clique aqui!

 

Pega essas ideias!

 

1 – Não se descabele: faça o que for possível! Você precisa de saúde mental para trabalhar e cuidar da sua família. Portanto, tranquilize-se. Esta é uma situação que envolve o Planeta Terra inteiro. Não é só você ou sua turma. Estamos no mesmo barco! E quando passar, estaremos juntas também. Vamos pensar na demanda que temos NESTE MOMENTO e deixar a ansiedade de lado!

 

2 – Se você faz vídeos: aproveite para utilizar materiais concretos. Recursos como janelinha, números móveis, fichas escalonadas… tudo isso pode ser usado na frente da câmera. Se você puder enviar um arquivo para as crianças recortarem e terem seus materiais para manipular durante a aula junto com você, melhor ainda! Durante todas as nossas lives estamos dando sugestões de como adaptar recursos e atividades que usávamos de forma presencial. No geral, os recursos podem ser utilizados com muita tranquilidade nos vídeos. Se forem gravados, cuide para não serem muito longos. Vídeos curtos dão “mais gol”. Se for aula ao vivo, melhor ainda, pois as crianças conseguem interagir naquele exato momento em que a intervenção está sendo feita! Outra dica de ouro para utilizar durante os vídeos é uma lousa. Pode ser estas pequenas, que compramos em bazar. Não tendo a possibilidade de adquirir este material, você pode improvisar em folhas de papel mesmo. A ideia de ter a lousa próxima de você é auxiliar os alunos, mostrando desde como eles podem se organizar no espaço que eles têm (folha, caderno, recorte, colagem) até demonstrar procedimentos como a realização ou correção de cálculos. Quando se trata de matemática, o registro é importante e a lousa pode te ajudar (e MUITO!).

 

3 – Envie materiais para confeccionar: nada muito difícil ou que vá exigir atenção da casa inteira. Peça algo que as crianças consigam fazer com autonomia, como pintar e recortar, por exemplo. Boas ideias são o material dourado, a Escala Cuisenaire, as fichas escalonadas e os números móveis. Exigir a presença da família ou algum material difícil de conseguir ou comprar pode deixar a criança e os responsáveis dela ainda mais estressados e desgastados. Faça o simples! O simples funciona!

 

4 – Invista em letramento matemático: neste momento em que as crianças estão em casa e que, de repente, fica mais difícil introduzir novos conteúdos, aproveite para investir em atividades que explorem o letramento. Clicando aqui você pode pegar mais dicas. As crianças podem registrar números dos tamanhos dos pés, pesos, alturas, quantidades de objetos da casa. Podem registrar o que fazem durante o dia, marcando os horários. Podem fazer receitas (duplicar ou diminuir). A matemática é vivida o tempo todo e em casa não é diferente! Neste link demos 52 dicas para pais e professores fazerem na quarentena!

Exemplo de atividade que considera o letramento matemático (aluna Shirley).

 

5 – Reflita sobre as folhas enviadas: folhas soltas e descontextualizadas não ensinam ninguém. Essa história de ficar procurando atividade e mandando uma atrás da outra não “tá com nada”. Repense! Os cálculos e problemas podem e devem ser enviados para casa, mas procure também investir não só em folhas estruturadas, mas em situações de aprendizagens onde as crianças precisarão jogar, montar, explorar e vivenciar.

Exemplos de atividades que envolvem cálculos mas são mais lúdicas. Para baixar, clique aqui! Não esqueça de adaptar para o seu contexto!

 

Gostou do conteúdo? Então, curte e compartilha!   

Siga @clarissapereirapedagoga nas redes sociais. Lá nós damos dicas todos os dias para deixar a sua prática de sala de aula mais leve e doce.   

Abraço,   

Professora Camila

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *